~notícias fresquinhas

~ Propostas CRIATIVAS para ...

~ Posters dos grupos para a...

~ trabalhos finais dos alun...

~ Colóquio do grupo de Econ...

~ Acessibilidades

~ Grupo de Economia e Inova...

~ Assembleia Jovem de Silve...

~ Relatórios de Março de 20...

~ Relatórios de Fevereiro d...

~ Agenda Cultural de Abril

~sótão

~ Junho 2008

~ Maio 2008

~ Abril 2008

~ Março 2008

~ Fevereiro 2008

~ Janeiro 2008

~ Dezembro 2007

~ Novembro 2007

~ Outubro 2007

~o que procuras?

 

~quantas visitas já temos?

Legally blonde tickets

~cidades criativas

~Sabias que...

...o nosso concelho tem cerca de 34000 habitantes e é o maior em área do Algarve?

~Conclusão:

há muito espaço em branco e dificuldade em preenchê-lo... para bom entendedor....

~visita o site da C.M.S.

Município de Silves

~visita o site da nossa escola!

Escola Secundária de Silves

~as nossas freguesias

Alcantarilha Armação de Pêra Tunes S.B. Messines Algoz S. Marcos da Serra Silves Pêra
E por aqui ouve-se: Rodrigo Leão - As Cidades

~tags

~ todas as tags

~Tagarelices... Deixa já a tua!


free polls Como classifica o conteúdo deste blog?
[Muito mau]
[Mau]
[Razoável]
[Bom]
[Muito Bom]

Quinta-feira, 22 de Maio de 2008

Acessibilidades

Chegamos ao fim deste projecto. Faltam menos de duas semanas para que as aulas terminem e está na hora de fazer um balanço/reflexão sobre o trabalho realizado ao longo de todo este ano lectivo, percebendo se os objectivos que inicialmente propomos foram ou não cumpridos. Em síntese, o grupo de Acessibilidades concluiu que, tal como inicialmente planeado:

 

- Identificou os pontos fortes e os pontos fracos/ barreiras existentes na Escola e na Cidade.
- Elaborou um plano de propostas de melhoramento/eliminação dessas mesmas barreiras e apresentou-as a entidades competentes.
- Realizou questionários a alunos da Escola e entrevistas a pessoas portadoras de deficiências e à Exma Senhora Presidente da Câmara Municipal, Dra. Isabel Soares.
- Percebeu que barreiras encontravam diariamente as pessoas portadoras de algum tipo de deficiência.
- Sensibilizou e mobilizou a população para o problema das Acessibilidades e da Igualdade de Direitos.
- Elaborou o relatório e o poster solicitado pelo Concurso.
- Divulgou o projecto à comunidade através de um placar, de panfletos, do blog, da Assembleia Jovem e do Jornal Terra Ruiva (notícia a que é possível ter acesso através do link http://rapidshare.com/files/116780218/Cidades_Criativas.jpg.html), e acabará a divulgação com a presença na Fissul e a presença na Rádio.
- Apresentará o trabalho desenvolvido ao longo do ano no dia 28 de Maio ou no dia 4 de Junho, dependendo do sorteio realizado.
 
Assim, de acordo com a Questão Problema inicialmente formulada Como melhorar a Cidade de modo a que tenha mais Acessibilidade para as pessoas com deficiências?, apontámos, em traços largos, as propostas de alterações por nós sugeridas.
 
Na Escola, as nossas propostas passam pela colocação de rampas nos degraus de acesso ao bar, à sala do aluno, ao auditório e às casas de banho, bem como à entrada do edifício desportivo, por ter acesso para a cantina. Passam ainda pelo rebaixamento dos balcões de locais como a reprografia e o bar ou pelo alargamento da papelaria, bem como a aquisição de um elevador que se coloque nas escadas e que permita transportar os alunos deficientes para os pisos superiores. Achamos ainda relevante que, no que toca às casas de banho, visto que uma cadeira de rodas não consegue entrar nas cabines, se juntem duas cabines e se adapte uma para deficientes, já que é essencial que todos os alunos da Escola tenham iguais oportunidades.
 
 
Na Cidade, as nossas alterações passam pelo rebaixamento de passeios de modo a adaptar Silves o mais possível, adquirir autocarros adaptados e colocar sonorização nos semáforos. Existem ainda os obstáculos (como candeeiros) colocados no meio dos passeios, problema que se resolve com a colocação de iluminação de parede, que não se torna uma barreira à mobilidade. No que toca a espaços públicos como a Câmara e a nossa sugestão passa pela colocação dos serviços num outro edifício, completamente adaptado e acessível a todos. Os CTTs, talvez uma melhor organização do espaço seja o ideal e quanto aos bancos, os problemas centram-se nas caixas multibanco, o que se resolve com a colocação de uma caixa mais abaixo, permitindo que todos a possam utilizar.
 
 
Para mais informações acerca do tema trabalhado durante todo o ano lectivo, sugerimos que consultem o link:
                                                
estamos: Acessíveis!
genialmente escrito por CriaXelb às 14:52
| a tua opinião faz a diferença! comenta! | adiciona-nos como favorito!
1 comentário:
De Rosa Lemos a 22 de Maio de 2008 às 15:08
é sempre bom procurar soluções para eliminar os obstaculos das pessoas com deficiencia... eu vivo diariamente com esse problema e revolto-me com varias situações porque as vezes é facil colocar um rampa mas o mais dificil é a mentalidade das pessoas ... A rampa é uma acessibilidade usada por toda a gente não é so pelos deficientes... enfim lentamente as coisas estao a evoluir

queremos saber o que pensas! comenta!