~notícias fresquinhas

~ Reflexão pelo grupo da Cu...

~ Relatórios de Novembro de...

~sótão

~ Junho 2008

~ Maio 2008

~ Abril 2008

~ Março 2008

~ Fevereiro 2008

~ Janeiro 2008

~ Dezembro 2007

~ Novembro 2007

~ Outubro 2007

~o que procuras?

 

~quantas visitas já temos?

Legally blonde tickets

~cidades criativas

~Sabias que...

...o nosso concelho tem cerca de 34000 habitantes e é o maior em área do Algarve?

~Conclusão:

há muito espaço em branco e dificuldade em preenchê-lo... para bom entendedor....

~visita o site da C.M.S.

Município de Silves

~visita o site da nossa escola!

Escola Secundária de Silves

~as nossas freguesias

Alcantarilha Armação de Pêra Tunes S.B. Messines Algoz S. Marcos da Serra Silves Pêra
E por aqui ouve-se: Rodrigo Leão - As Cidades

~tags

~ todas as tags

~Tagarelices... Deixa já a tua!


free polls Como classifica o conteúdo deste blog?
[Muito mau]
[Mau]
[Razoável]
[Bom]
[Muito Bom]

Quarta-feira, 12 de Dezembro de 2007

Reflexão pelo grupo da Cultura

A nível cultural a nossa cidade poderia investir em eventos com mais interesse.

 

Como pontos fracos podemos enumerar, entre outros:

- O Teatro Gregório Mascarenhas* está remodelado mas ainda não houveram nenhuns eventos, pelo que permanece fechado.

- A Casa da Cultura Muçulmana, poderia ser melhor aproveitada, com mais exposições e eventos mais dinâmicos.

- O Castelo está em obras; a sua entrada é cobrada, mas pensamos que, sendo este um monumento nacional deveria ser de entrada gratuita.

- A entrada no Museu de Arqueologia não deveria ser cobrada tanto para os habitantes como para os estrangeiros, pois nenhuns o visitam pelo facto de a entrada ser paga. Se esta fosse gratuita, talvez o Museu tivesse mais visitantes.

- O Festival da Cerveja, era um evento que atraía muitas pessoas de outros locais, porém, este ano, não se realizou, para tristeza tanto dos habitantes de Silves, como para os de outras cidades.

- A Biblioteca Municipal já foi inaugurada, continuando fechada para grande descontentamento da população.

 

Alguns dos pontos fortes:

- As Piscinas Municipais são uma infra-estrutura bastante valorizada por todas as faixas etárias, tanto pela pratica de natação como pelo ginásio, sauna, cabeleireiro, etc.…

- A Feira Medieval é um evento cultural que atrai bastantes pessoas e que enriquece bastante a cidade durante uma semana de Agosto, sendo este um dos eventos mais divulgadores da cidade.

 Feira Medieval, Agosto 2006, © António Baeta Oliveira

- Na Fissul são regularmente realizados ateliers e exposições a que a população pode aceder quando disponíveis.

 

Concluindo, a cidade de Silves tem um forte potencial cultural, mas não é bem aproveitada nesse sentido. Esperemos que a situação melhore num futuro próximo.

 

*EDIT: Teatro Gregório Mascarenhas, equivocamente designado por Teatro Municipal.
estamos: de férias
Sexta-feira, 7 de Dezembro de 2007

Relatórios de Novembro de 2007

7 de Novembro de 2007

 

  • Economia e Inovação

- Ida à câmara municipal e à divisão cultural, onde falamos com o Sr. Jaime Peixoto que nos auxiliou na aquisição do mapa da cidade e nos direccionou para o gabinete de reprografia municipal onde o Sr. Luís Vieira nos forneceu o dito cujo.

- Identificação no mapa de alguns estabelecimentos.

 

  • Intervenção Urbana - Acessibilidades

- O grupo fotografou a escola, identificando pontos fortes e fracos, deslocando-se posteriormente aos Bombeiros Voluntários de Silves e à Instituição Amigos dos Pequeninos, onde tentou arranjar uma cadeira de rodas e canadianas para identificar as barreiras existentes na Escola Secundária de Silves e posteriormente em toda a nossa cidade.

- Foram redigidas as cartas para pedir parcerias com as instituições que nos poderão ajudar ao longo de todo o projecto.

- O grupo continuou a pesquisa teórica acerca de Deficiência mental, auditiva, visual e motora.

 

  • Ciência e Intervenção Urbana

- Prosseguimos o nosso trabalho teórico, enriquecendo-o, completando-o, de modo, a que se torne mais fácil desenvolver a fase seguinte, uma vez que já possuímos bases teóricas sobre o tema. 

- Iniciamos a aula completando tanto a ciência como a tecnologia com novos dados, que obtivemos em novas fontes. Desenvolvemos mais exaustivamente o conceito de ciência, e, concluímos que a ciência é a base da evolução tecnológica do século XXI. Relativamente à tecnologia desenvolvemos o conceito e a sua função em relação à sociedade, concluindo que esta é a satiSfação das necessidades materiais da humanidade.

- Tentamos focar os mesmos tópicos, tanto ao nível ciência como da tecnologia, de modo a que o seu desenvolvimento teórico fosse idêntico.

 

  • Sociedade

- Criação da questão-problema.

- Debate de ideias entre os membros do grupo com a professora.

 

  • Ambiente

- Começamos por fazer uma busca de contactos para possíveis parcerias e para a utilização de laboratórios com o objectivo de analisar a água do rio Arade.

- Pesquisamos também os reagentes necessários para a realização das análises.

 

  • Cultura

- Analisamos os inquéritos já realizados.

- Continuamos com a realização do desenvolvimento do trabalho escrito.

14 de Novembro de 2007

 

  • Economia e Inovação

- Levantamento dos estabelecimentos da cidade, mas sentimos uma dificuldade relativamente à quantidade de estabelecimentos e ao facto de sermos apenas um grupo de 3 elementos. Dificuldade que tentaremos ultrapassar da melhor forma possível.

 

  • Intervenção Urbana - Acessibilidades

- O grupo deslocou-se à Instituição Amigos dos Pequeninos, que cedeu gentilmente a cadeira de rodas.

- Através de uma simulação – um elemento do grupo simulou que tinha uma deficiência motora e outro simulou que era cego – percebemos que barreiras apresenta a nossa Escola em termos de Acessibilidade para pessoas com determinados problemas.

 

  • Ciência e Intervenção Urbana

- Dentro do trabalho teórico, exploramos o tema da ciência interligando-o com a tecnologia. Nesta exploração e posterior reflexão explicamos a ligação entre a ciência e a tecnologia, e como uma completa a outra, de modo a se obter um maior proveito para a sociedade, melhorando assim a vida de todos. Desenvolvemos ainda, dentro deste sub-tema as áreas científico-tecnológicas que são ou poderão vir a ser desenvolvidas na nossa cidade. Estas áreas melhoram a qualidade de vida dos silvenses e, no caso destas não existirem, as mesmas poderiam proporcionar um maior progresso e enriquecimento da nossa cidade.

- As áreas científico-tecnológicas por nós desenvolvidas relacionam-se com o ensino, a saúde, o ambiente, a informática e ao nível sócio – humanístico. Neste, desenvolvemos principalmente a arqueologia que é factor de grande impulsionamento cultural, na cidade. 

 

  • Sociedade

- Pesquisa teórica na internet acerca dos conceitos de: civismo, sociedade, população, comunidade, direitos e deveres dos cidadãos.

- Esboço de um possível inquérito a ser feito aos habitantes.

 

  • Ambiente

- Começamos por fazer algumas alterações na planificação do nosso trabalho e em seguida deslocamo-nos à câmara municipal de Silves, afim de recolhermos imagens via satélite e dados sobre a análise da poluição sonora e atmosférica mas sem sucesso.
- No final realizamos o relatório semanal.

 

  • Cultura

- Esta semana finalizámos a planificação do nosso trabalho. Foram-nos feitas várias sugestões, tal como criar um jornal de parede sobre o trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pela turma, para informarmos os habitantes de Silves dos nossos projectos, consideramos também uma ideia alternativa a esta, a criação de um panfleto que seria mais objectivo e cativante. Vamos reflectir sobre estas e outras ideias dinâmicas, todas elas com o objectivo de informar a população.

- Além disto, estivemos ainda a ler e a retirar algumas informações dos panfletos que recolhemos na semana passada.

 

21 de Novembro de 2007

 

  • Economia e Inovação

- Tentativa, falhada, de falar com um professor que nos ajudaria a avançar no projecto.

- Resposta a mails que as outras escolas participantes no projecto nos enviaram.

- Tomada de conhecimento de informações com a professora responsável pela disciplina, na nossa turma (Paula Torres), dos componentes que deverão integrar o trabalho escrito de final de período.

- Elaboração de uma carta para mandar a jornais e rádios da região para uma divulgação do projecto na cidade.

 

  • Intervenção Urbana - Acessibilidades

- Continuação da Pesquisa Teórica acerca do tema ‘Intervenção Urbana – Acessibilidades’ – Conclusão da Introdução do trabalho.

- Simulação – um dos elementos do grupo simulou necessitar de canadianas para se deslocar pela escola – com o intuito de perceber que barreiras apresenta a nossa Escola no que toca a Deslocações.

 

 

  • Ciência e Intervenção Urbana

- A aula foi iniciada com o estudo sobre a influência que a ciência e a tecnologia têm na sociedade, nomeadamente nos silvenses. Desenvolvemos os itens sobre as características das instituições científicas/instituições sociais. Descobrimos que a ciência é a base do envolvimento social, isto porque a ciência, a tecnologia e a sociedade estão de tal modo interligados que a ciência e a sociedade dependem da tecnologia, assim como a tecnologia está totalmente depende da ciência e da sociedade.   

- Desenvolvemos ainda, as diferentes áreas de aplicação da ciência e da tecnologia relacionadas com a sociedade.

- Exploramos a influência destas e a forma como a ciência e a tecnologia influenciarão a sociedade, melhorando a qualidade de vida dos silvenses.

 

  • Sociedade

- Pesquisa na biblioteca e levantamento de livros relativos à sociologia, direitos humanos e relações públicas.

- Início da elaboração do trabalho teórico com base nos conceitos desenvolvidos anteriormente.

 

  • Ambiente

- Melhoramos a planificação do trabalho.

- Descolacámo-nos mais uma vez à câmara Municipal de Silves para falarmos com a Senhora Engenheira do Ambiente.

- Por fim, escrevemos uma carta para enviar à ETAR a solicitar dados sobre as águas do rio de consumo, de Silves.

 

  • Cultura 

- Concluímos os inquéritos a fazer à população, acerca do desenvolvimento cultural em Silves

- Elaborámos um post com o resumo da Agenda Cultural para Novembro e Dezembro de 2007, a publicar no blog da turma.

- Continuamos com o desenvolvimento do trabalho escrito - reorganização dos tópicos a  realizar e início da composição história da cidade.

 

28 de Novembro de 2007

 

  • Economia e Inovação

- Elaboração de uma carta para mandar à organização do projecto “Cidades Criativas” devido às dificuldades que o grupo está a ter em falar com alguém devidamente qualificado na área de economia para esclarecimento de dúvidas.

- Esclarecimento de dúvidas para o trabalho a apresentar com a pesquisa teórica realizada no final do primeiro período junto da professora responsável.

- Dividimos o grupo, para que pudéssemos dispor de mais tempo para cada uma das tarefas. Assim sendo, tanto pudemos entrevistar alguns habitantes da nossa cidade, como avançar com a redacção do trabalho teórico, na qual foi acrescentada a história de Silves.

- Início da estrutura do trabalho com a pesquisa já efectuada.

- Carta para mandar a faculdades de economia de várias universidades.

- Actualização da caixa de correio electrónico.

 

  • Intervenção Urbana - Acessibilidades

- Pesquisa Teórica sobre Deficientes Mentais, Motores, Invisuais, Surdos e Mudos.

- Identificação, através de uma planta da Escola, de pontos fracos e fortes e comparação com fotografias e vídeos feitos em aulas anteriores.

- Conversa com a professora sobre a planificação do nosso projecto e o trabalho teórico do 1º período.

 

  • Ciência e Intervenção Urbana

- Nesta aula finalizamos o nosso trabalho teórico, para tal relemo-lo e corrigimos o que estava menos correcto, de modo a que este ficasse mais coerente e de mais fácil compreensão.

- Elaboramos a introdução do projecto, onde consta a definição do problema e dos objectivos e a pertinência e limitações do estudo.

- No tempo que no restou desta aula, elaboramos as entrevistas a realizar junto das entidades competentes, de modo a realizarmos um pré-levantamento de infra-estruturas e equipamentos assim como das condições em que as mesmas se encontram, de modo a promoverem o progresso e desenvolvimento da ciência e da tecnologia, favorecendo e melhorando o bem-estar dos silvenses.

 

  • Sociedade

- Continuação do trabalho teórico.

 

  • Ambiente

- Começámos por realizar uma nova carta à ETAR.

- Fomos entrevistar a Sr.ª Engenheira do Ambiente à câmara. - Fomos falar com o Dr. Ricardo Tomé com o propósito de conseguirmos o mapa do ruído realizado no ano de 2006.

- Por fim, realizamos outras cartas (uma para a presidente, outra para a Universidade do Algarve e outra à CCDR).

 

  • Cultura

- Nesta aula, foram imprimidos os inquéritos que, posteriormente seriam feitos à população.

 

genialmente escrito por CriaXelb às 13:56
| a tua opinião faz a diferença! comenta! | adiciona-nos como favorito!